Emagrecer não é uma missão fácil para a maioria das pessoas. Com o apoio de um Coach, fica 70% mais tranquilo alcançar as metas.

master coach e master mentoring marcelo antonio homem de mello sobre coaching emagrecimento homem de mello consultoria

Segundo a Organização Mundial da Saúde – OMS, mais de 500 milhões de pessoas em todo o mundo são obesas.
No Brasil, 33,5% das crianças entre 5 e 9 anos estão cima do peso, e destas, cerca de 15% são obesas. Quando falamos de adolescentes, o número chega a 136 mil com obesidade evoluindo drasticamente. Quando analisamos os adultos, estamos falando de 60% de obesos em evolução.
As razões de cada um para chegar a obesidade são inúmeras, cada um de nós tece sus próprias plausíveis justificativas.
Os malefícios gerados pela obesidade são extensos e já bem estudados.
A questão é, por que razão não conseguimos controlar nossas “bocas nervosas”? Vai da senvergonhice, ao gosto por comida exagerado ou a fatores psicossomáticos devastadores.

Como funciona?

Coaching, o processo, não vai fechar a boca por você. Contudo, o seu Coach, parceiro profissional que vai lhe dar a mão para alcançar suas metas, vai cuidar de te conscientizar dos ganhos com relação a perda de peso, sair do quadro de obesidade, conquistando mais saúde e qualidade de vida. Vai trabalhar sua autoestima, quebra de paradigmas e a mudança de quadro geral, alternando seu estado de conformismo para um estado de desconforto com o atual quadro de obesidade.
O Coach vai ta ajudar no entendimento amplo e no fortalecimento de seus propósitos, tornando-os claros e atrativos, de maneira a ser compensatório para o seu cérebro “mudar de vida”.
Reprogramar seu cérebro é o segredo.
Dinâmicas estimulantes e desafiadoras com suporte da Programação Neurolingúistica – PNL serão aplicadas de forma a maximizar os ganhos no tocante a obtenção de metas. Seu cérebro deve entender o recado. Emagrecer não é uma situação de guerra com você mesmo, é sim uma questão de reeducação ampla e irrestrita, que vai exigir muito trabalho e muita força de vontade, e um parceiro guiando, ajudando a manter o foco, facilita todo o processo em até 70%.
É assim que funciona, fortalecemos o indivíduo em suas crenças, e colocamos o cérebro para trabalhar a favor das metas, desafiando o tempo todo, e recompensando com qualidade de vida, saúde e auto-conscientização.

Aplicabilidade?

Aplica-se a crianças, adolescente e adultos mencionados nos estudos da Organização Mundial de Saúde-OMS, que aponta o quadro alarmante que o mundo vivência com relação a obesidade, tida como o “mal do século” por especialistas.
Não interessa se a meta é perder cinco ou cinquenta quilogramas. A dificuldade é a mesma, a necessidade de suporte a mesma, e o trabalho de fortalecimento mental, mudança de “mindset” deve ser contundente e objetivo.
Por fim, metas alcançadas, como manter o foco e o peso reduzido?
Mais que estabilizar o peso do cliente, como manter seu cérebro magro, vigilante para não se perder todos os esforços e dedicação no sentido de alcançar metas de emagrecimento e saúde?
Cerca de 85% das pessoas que perdem peso, em até 24 meses recuperam tudo e voltam para o quadro de obesidade anterior. Pior, as vezes perdem 15, 20 quilogramas e quando retornam ao quadro de obesidade, ganham mais que perderam, recuperam 25 ou 30 quilogramas.
Ai que o seu Coach é mais atuante, auxiliando a permanecer do quadro ideal conquistado pelos próximos 24 meses. Fazendo com que seus esforços não sejam desperdiçados, e que todos os recursos aplicados sejam rentabilizados, valham a pena e sejam gratificantes.

Custos e prazos?

Cobrado como a maioria dos processos de Coaching, em blocos de vinte em vinte encontros.
Aqui realmente prazo é uma incógnita. O processo em si costuma alcançar efetividade logo nos cinco dez primeiros encontros. Ao término dos primeiros vinte encontros o cliente já encontrou o caminho que tem de perseguir. Reconhece claramente os objetivos e metas traçadas. A  questão doravante é monitoramento constante,  fortalecimento continuado das crenças individuais e a estimulação motivacional por no mínimo doze meses, aonde passamos de encontros semanais para quinzenais e depois para mensais.